Gestão de recursos humanos: o que é, o que faz e importância para empresas

gestão de recursos humanos

A gestão de recursos humanos é essencial para o sucesso de qualquer organização. Ela inclui práticas e estratégias para atrair, desenvolver, motivar e manter bons funcionários, garantindo que suas habilidades e metas estejam alinhadas aos objetivos da companhia. 

Entender o que é esta prática, o que ela faz na gestão de pessoas e sua importância é fundamental para criar um ambiente de trabalho saudável e produtivo. 

Continue lendo para descobrir como uma boa gestão de recursos humanos pode melhorar sua empresa!

O que é gestão de recursos humanos?

A gestão de recursos humanos (RH) se refere ao conjunto de práticas e políticas que uma organização implementa para gerir seu capital humano de forma estratégica. 

Ela abrange desde a atração de talentos, até o desenvolvimento de competências, gestão de desempenho, remuneração e benefícios, além da manutenção de um ambiente de trabalho saudável e motivador.

Basicamente, podemos pensar a gestão de RH como uma equipe dentro da empresa que se preocupa em fazer com que todos se sintam bem no ambiente, aprendam coisas novas quando necessário, e sejam valorizados pelo que fazem. 

Dessa forma, a área ajuda a empresa a funcionar em seu mais alto potencial, ao mesmo tempo em que as pessoas a se sentem motivadas nos seus respectivos trabalhos.

15 competências futuro

O que faz a gestão de recursos humanos na empresa?

Além do aspecto de cuidar das pessoas na empresa, a gestão de recursos humanos também envolve várias outras responsabilidades importantes, tais como:

Recrutamento e seleção

Esta área envolve a busca pelas pessoas certas para trabalhar na empresa. Engloba a divulgação de vagas, a realização de entrevistas com os candidatos e a seleção daqueles que melhor se encaixam nas necessidades da organização.

Treinamento e desenvolvimento

Após a contratação, a gestão de recursos humanos auxilia no treinamento e desenvolvimento dos colaboradores. 

Isso envolve oferecer programas de capacitação, possibilitando que os funcionários aprendam novas habilidades e evoluam em suas carreiras profissionais.

Gestão de desempenho

A gestão de desempenho monitora o progresso de cada pessoa no trabalho, estabelecendo metas, realizando avaliações periódicas e fornecendo feedbacks para ajudar os funcionários a alcançarem seus objetivos.

Administração de benefícios

Assegura que os colaboradores tenham acesso a um pacote de benefícios competitivo e adequado às suas necessidades, como planos de saúde, seguros, benefícios de bem-estar, entre outros, fundamentais para manter os funcionários motivados e engajados.

Relações trabalhistas 

Essa subárea lida com questões relacionadas aos direitos dos funcionários, como licenças médicas, férias, segurança no trabalho e resolução de conflitos.

Cultura organizacional 

Desenvolve e fortalece a cultura da empresa, que é composta pelos valores, crenças e comportamentos que definem o ambiente de trabalho. 

Uma cultura organizacional forte ajuda a alinhar os colaboradores aos objetivos da empresa e a promover um ambiente de trabalho positivo e colaborativo.

Comunicação interna 

É a responsável por assegurar uma comunicação transparente dentro da empresa por meio de canais apropriados, informando os colaboradores sobre decisões importantes, reconhecendo seus esforços e promovendo o engajamento.

Planejamento estratégico de RH 

Esta subárea desenvolve estratégias de longo prazo para atrair, reter e desenvolver talentos que ajudem a empresa a alcançar seus objetivos e a manter sua competitividade no mercado.

Qual a importância da gestão de recursos humanos para a empresa?

Uma gestão de recursos humanos estratégica é peça fundamental para o sucesso de qualquer empresa. Através de suas ações, o RH contribui para:

  • Aumento da produtividade e da performance: colaboradores mais capacitados e motivados são mais produtivos e contribuem para o alcance dos objetivos da empresa.
  • Redução da rotatividade: investir na retenção de talentos diminui os custos com recrutamento e seleção, além de evitar a perda de conhecimento institucional.
  • Melhoria do clima organizacional: um ambiente de trabalho positivo e justo contribui para o bem-estar dos colaboradores, aumentando sua satisfação e engajamento.
  • Fortalecimento da marca empregadora: uma empresa com um RH que valoriza seus colaboradores e oferece boas condições de trabalho atrai e retém os melhores talentos, construindo uma marca empregadora forte e positiva.
  • Aumento da competitividade: em um mercado competitivo, a gestão de pessoas se torna um diferencial estratégico, permitindo que a empresa se destaque da concorrência e alcance seus objetivos com mais facilidade.

Qual a relação entre recursos humanos e gestão de pessoas?

A relação entre recursos humanos e gestão de pessoas é intrínseca e interconectada, embora os dois termos apresentem nuances distintas: 

Recursos humanos 

Tradicionalmente, os profissionais de recursos humanos se concentram em processos administrativos e operacionais, como recrutamento, seleção, treinamento, remuneração, benefícios e conformidade legal. 

O foco de sua atuação é fornecer a estrutura necessária e assegurar a eficiência dos processos, além de garantir que a empresa esteja em conformidade com as leis trabalhistas e regulamentos.

Gestão de pessoas

Por outro lado, a gestão de pessoas vai além dos aspectos administrativos, focando no desenvolvimento humano, motivação e bem-estar dos colaboradores. Envolve liderança, coaching, mentoring e a criação de um ambiente de trabalho positivo. 

A abordagem da gestão de pessoas é mais humanizada, reconhecendo cada colaborador como um indivíduo único com necessidades, aspirações e potencial. Ela busca criar uma cultura organizacional que valorize a colaboração, inovação e crescimento pessoal e profissional.

É importante destacar que ambos os conceitos são complementares e interdependentes, com um objetivo comum de alinhar as habilidades e capacidades dos colaboradores aos objetivos da empresa. 

Nos últimos anos, a função de gestão de RH tem evoluído para incorporar mais elementos de gestão de pessoas, reconhecendo a importância de uma abordagem mais holística e estratégica na administração do capital humano.

Juntas, elas ajudam a criar uma força de trabalho eficiente, motivada e alinhada às estratégias organizacionais.

E para motivar ainda mais seus colaboradores, realize um Plano de Desenvolvimento Individual (PDI) na sua empresa. Saiba tudo em nosso guia exclusivo!

pdi guia

just in time

Just in time: o que é, objetivos e exemplos

Just in time (JIT) é uma estratégia de gerenciamento de produção que busca otimizar processos, minimizar desperdícios e elevar a eficiência operacional.  Desenvolvido pela Toyota, o JIT revolucionou a forma como as empresas gerenciam estoques e produção, ajustando a fabricação

Inovação em serviços: o que é, importância e exemplos

Quando a concorrência se intensifica e as exigências dos consumidores aumentam, o caminho que as empresas têm para sobreviver é a inovação em serviços. Afinal, a capacidade de se adaptar e oferecer algo único e valioso é o que diferencia

Encontre materiais e conteúdos da FRST