Os desafios e a importância da liderança feminina nas empresas

19/02/2024

Nos últimos anos, a presença e o papel das mulheres no ambiente corporativo têm sido objeto de análise e debate em todo o mundo.

Embora exista um inegável progresso nessa área e mais e mais mulheres vêm ocupando funções em diversas empresas, ainda existem discrepâncias na questão de igualdade de gêneros, especialmente quando se trata de liderança feminina.

Neste artigo, vamos explorar esse tema e os diferenciais de uma liderança feminina e abordar os desafios enfrentados pelas mulheres em sua jornada para ascender a cargos executivos nas organizações. Acompanhe!

O que é a liderança feminina?

A liderança feminina refere-se à ascensão de mulheres a cargos executivos e de destaques em empresas e diversos tipos de instituição.

Considerando que, décadas atrás, cargos de gestão eram restritos apenas a homens, a liderança feminina é uma importante iniciativa de representatividade que garante que mulheres possam assumir postos estratégicos e fazer parte da tomada de decisões cruciais que podem mudar o direcionamento de um projeto ou negócio.

pipeline lideranca

Qual a importância da liderança feminina?

De acordo com o Censo 2022, mulheres figuram a maioria da população em todas as regiões do país. Logo, a presença de mulheres em cargos de liderança serve como um exemplo poderoso de igualdade de oportunidades e diversidade de gênero dentro de uma organização.

A presença de mulheres em posições de liderança traz uma ampla gama de perspectivas e experiências para a empresa que conduz a uma tomada de decisão mais abrangente, considerando uma variedade de pontos de vista e necessidades.

Isso é válido e enriquece tanto o direcionamento estratégico da empresa como gera mais valor para diferentes stakeholders.

Pensando que mulheres figuram a maior parte da população, elas também são clientes e parceiras do negócio. Se as decisões forem tomadas considerando suas demandas e realidade, as empresas têm a chance de elaborar produtos e serviços mais relevantes e completos.

Além de maximizar a inovação e criatividade, estudos mostram uma correlação positiva entre a liderança feminina e o desempenho financeiro e em pautas ESG nas empresas.

De acordo com a consultoria McKinsey, empresas com mais mulheres em cargos de liderança têm 50% mais chances de ter resultados financeiros e um potencial de crescimento 22% maior.

Ao mesmo tempo, empresas com mulheres líderes têm índices ESG 52% maiores em comparação a empresas gerenciadas por homens. Quando mulheres têm cargos no conselho ou diretoria, esses resultados são ainda melhores, podendo chegar a 72%.

Assim, a liderança feminina desempenha um papel fundamental na promoção da diversidade, inclusão, inovação e alta performance, contribuindo para a evolução e o sucesso sustentável das empresas.

Como está a liderança feminina no Brasil?

Um mapeamento recente da consultoria Grant Thornton no Brasil revelou que 38% dos cargos de liderança no país são ocupados por mulheres.

Essa pesquisa, em conjunto com outro estudo, o Panorama Mulheres 2023, realizado com o Talenses Group e o Insper, mostram que houve um avanço na liderança feminina. No entanto, grande parte das mulheres figuram em cargos executivos de apoio — como gestão de RH, comunicação, etc. —, mas ainda são poucas as que conseguem chegar à posição de CEO.

O cenário, contudo, é de avanço: o Panorama Mulheres 2023 apontou que houve um aumento de 13% para 17% no índice de mulheres como CEOs no Brasil, e a expectativa é de crescimento.

Em meio a tudo isso, ainda existem setores mais difíceis para mulheres, como tecnologia. O mapeamento Women in Technology, da Michael Page, revela que menos de 20% dos cargos de liderança no segmento de tecnologia são ocupados por mulheres.

6 principais características para se tornar uma liderança feminina

A liderança feminina, além de estimular a diversidade e inclusão, é marcada por um estilo que oferece vantagens para as empresas. Como destaque, podemos assinalar características como:

1. Empatia

Líderes femininas tendem a possuir uma forte capacidade de se conectar emocionalmente com as necessidades, preocupações e sentimentos de suas equipes. Isso facilita a criação de um ambiente de trabalho inclusivo e de apoio.

2. Comunicação eficaz

Mulheres tendem a enfatizar a clareza, a transparência e a escuta ativa em seu estilo de comunicação para garantir que as mensagens sejam compreendidas e assegurar um diálogo aberto e bidirecional com suas equipes.

3. Colaboração

Líderes femininas muitas vezes valorizam e promovem a colaboração dentro de suas equipes, incentivando a troca de ideias, o trabalho em equipe e o compartilhamento de conhecimentos.

Elas reconhecem a importância de aproveitar as habilidades e experiências individuais de cada membro da equipe para alcançar objetivos comuns.

4. Resiliência

A resiliência é uma característica muito comum entre as profissionais mulheres em geral, habituadas a enfrentar desafios e obstáculos que inevitavelmente surgem ao longo de sua trajetória.

Com isso, elas se tornam mais hábeis em se adaptar rapidamente a mudanças e superar adversidades com determinação.

5. Capacidade de desenvolver talentos

Líderes femininas geralmente demonstram um compromisso com o desenvolvimento e o crescimento de suas equipes, investindo no desenvolvimento de habilidades e no empoderamento dos membros individuais.

Elas criam um ambiente que valoriza o aprendizado contínuo e o desenvolvimento pessoal e profissional.

6. Autenticidade

Ser autêntica e tomar a iniciativa são características marcantes em líderes femininas, o que as ajuda ser mais genuínas e transparentes em suas interações com suas equipes. Isso cria confiança e credibilidade.

Líderes femininas tendem a ser inspiradoras, sendo um modelo a ser seguido pelos demais colaboradores.

Quais os principais desafios da liderança feminina?

A liderança feminina enfrenta uma série de desafios únicos e complexos, muitos dos quais são resultado de barreiras históricas e estruturais que continuam a existir em muitas organizações. Conheça os principais a seguir.

Viés de gênero

As mulheres frequentemente enfrentam preconceitos e estereótipos de gênero que prejudicam sua credibilidade e capacidade percebida de liderar. Isso pode se manifestar em formas sutis, como microagressões, ou de forma mais evidente, como discriminação explícita.

Dificuldade de ascensão

Apesar da presença massiva de mulheres no mercado de trabalho, a progressão na carreira para cargos de liderança muitas vezes é mais desafiadora. Existem muitas barreiras, frequentemente relacionadas ao machismo estrutural, que limitam seu avanço a níveis superiores da hierarquia organizacional.

Falta de representação

A sub-representação da liderança feminina resulta na falta de modelos a seguir e de apoio específico para o desenvolvimento profissional de outras mulheres. Consequentemente, há menor visibilidade e oportunidades limitadas de mentoria.

Diferença salarial e disparidades de reconhecimento

As mulheres ainda enfrentam disparidades salariais em comparação com seus colegas homens em diversos setores, mesmo quando possuem qualificações e experiências similares. Além disso, o reconhecimento por seu trabalho e conquistas muitas vezes não é equivalente.

Estereótipos de liderança

As expectativas tradicionais sobre como um líder deve se comportar e agir muitas vezes estão alinhadas com características associadas ao masculino, como rigidez e austeridade. Essa visão não costuma ser a forma como mulheres são percebidas, uma vez que seus estilos de liderança são diferentes.

A liderança feminina é um passo fundamental em direção à diversidade, à inclusão e à equidade de gênero. Apesar dos desafios significativos que as mulheres enfrentam ao assumir papéis de liderança, sua contribuição é inegável e seu impacto positivo é evidente em diversos setores.

Não pare sua leitura por aqui! Continue aprendendo mais sobre liderança e como gerar resultados com nosso ebook gratuito!

Compartilhe

Receba conteúdos sobre times de alta performance direto no seu e-mail

Aproveite e leia também

Em um mundo corporativo cada vez mais complexo e dinâmico, a busca por abordagens de liderança autênticas e centradas na autogestão tornou-se

A diversidade está ligada à representação demográfica, enquanto a inclusão vai além. Incluir é garantir que toda a diversidade existente na empresa

Imagine uma empresa de alto crescimento que precisa executar transações ou trocar informações com stakeholders do mundo inteiro. Ou até mesmo uma

Nos últimos anos tem sido comum empresas que possuíam vantagens competitivas sólidas se verem ameaçadas (ou “disruptadas”) por empresas menores que não

Quase sempre, as grandes ideias não surgem de uma única pessoa ou função isolada, mas sim da interseção de funções ou pessoas

Os avanços tecnológicos do passado iniciaram as jornadas de transformação digital nas empresas, e serão os próximos avanços que moldarão o futuro

A inteligência artificial (IA) está redefinindo a forma como diversas atividades são conduzidas no ambiente corporativo. Uma de suas aplicações mais importantes

Lao-Tzu, filósofo chinês e fundador do taoísmo, sempre dizia que quem conhece os outros é inteligente, e quem conhece a si mesmo é

 Nos últimos anos, o conceito de ESG (Environmental, Social and Governance) tem ganhado destaque no cenário empresarial global. O aumento significativo nas

Resumo A liderança 4.0 é um novo modelo de liderança para a era digital, focado em tecnologia, adaptabilidade, inovação e pessoas. É

O conceito de produtividade no trabalho tem diferentes perspectivas e significados ao longo da história. Dentre essas perspectivas, a mais popularizada é

Em busca de abordagens de liderança mais eficazes e centradas nas pessoas, a liderança consciente surge como uma proposta inovadora e impactante.

Em um cenário empresarial dinâmico e desafiador, a capacidade de identificar e resolver problemas de forma eficaz é crucial para o sucesso

Em um mundo empresarial em constante evolução, a capacidade de adaptação é mais crucial do que nunca.  Nesta exploração aprofundada, embarcaremos em

Muito se comenta sobre metodologias ágeis e seu retorno para as organizações. E pelos comentários, podemos julgar que elas são a resolução

No contexto dinâmico do cenário profissional atual, a avaliação de desempenho não apenas se destaca como um procedimento padrão, mas se revela

Você já deve ter ouvido falar sobre profissional de alta performance no trabalho. Este profissional destaca-se por conseguir alcançar as metas e

Em um tempo de mudanças rápidas e imprevísiveis como o que vivemos, ficar estagnado não é uma opção. E, quando falamos em

A palavra “ética” vem sendo bastante usada em diversos contextos, desde lugares comuns até ambientes corporativos. Mas então, o que é ética

 A liderança é um componente essencial para o sucesso de qualquer organização, e em um mundo empresarial dinâmico, a abordagem de liderança

O mercado de trabalho moderno é dinâmico e altamente competitivo, exigindo que profissionais atualizem constantemente suas habilidades e competências.   No mundo acelerado

Em tempos de ciclos mais curtos a capacidade de se adaptar é crucial. Nesse cenário, o papel do Agile Coach ganha destaque,

As organizações de todos os portes e segmentos estão passando, nos últimos anos, por mudanças profundas na sua gestão e muitas estão

Livros sobre produtividade são essenciais no mundo atual, onde o tempo é um recurso valioso. A busca pela eficiência no trabalho e

No ambiente de negócios, a revisão de metas é o processo de avaliar, reavaliar e ajustar as metas estabelecidas inicialmente. Seu propósito

Há tempos que o conceito de “chefe” e toda a imagem ultrapassada atrelada à ela vem sendo questionada no cenário corporativo. No

Construa uma equipe de Alta Performance

A primeira e única plataforma onde o colaborador aprende enquanto performa e performa enquanto aprende

 

Encontre materiais e conteúdos da FRST